Alí na praia e protetor solar para o corpo

praia-protetor-solar-pro-corpo

Vocês já estão cansadas de saber que, no rosto, eu uso o protetor solar Ada Tina Normalize 25. Mas no corpo eu vivo experimentando novas marcas e tals.

Ganhei esse da Granado e adorei, claro que passo pouco, primeiro porque é óleo e se eu exagerar fica grudando e outra que fica brilhando mais que o sol se brincar, kkk. Mas quanto ao fato de ficar grudando, isso só acontece quando não espalha direito – pelo menos foi o que achei na minha pele – mas se espalhar bem, além de tudo hidrata. E gostei do cheirinho também.

Ele é FPS 15. Já esse em bisnaga, na Mary Kay, é em creme, mas também não fica um grude só, se espalhar bem. E ainda dura na água, FPS 30.

Eu uso esses nos braços, pernas, etc. Mas no colo, eu procuro usar o mesmo do rosto, pra não correr o risco de ficar grudando.

Vale lembrar que eu ando com eles no carro, uso sempre, sempre. Não é só na praia, claro, onde mais uso então, é nos braços e mãos.

protetor-sola-blog-monalisa-caetano-granado-mary-kay

A sim, aproveitei pra postar algumas fotoss que fiz do cel, numa praia aqui pertinho que fui um dia desses passar a tarde. Adoro praia deserta, com poucas pessoas, com nenhum som, enfim. Lá estava assim (mas isso porque era fora de temporada, claro). É na praia do Paraíso, em Mosqueiro – Pará.

praia-do-paraiso-belem-para-brasil

 

Achei super interessante essa pedra, na verdade é um acúmulo de argila, não sei o nome ao certo, mas sei que se desfaz quando passamos a mão, hahaha. Vai formando um barro branco, olha:praia-paraiso-para-blog-monalisa-caetano

Descobri assim, eu subi numa dessas e depois de poucos minutos, segundos, enfim, começou a escorregar, kkkk. Aí entendi.

À noitinha, antes de ir embora, paramos num bar à beira mar, chamado Porto de Fogo. É uma varanda cheia de mesinhas e redes, do lado de um gramado com muitas árvores e como já falei praticamente ‘na areia’. Quer mais? Ok, e ainda com música ‘ouvível’, kkkk. Toca, old jazz, bossa nova, etc. <3 Pelo menos à noite, pra quem quer cochilar numa rede à beira mar, acho genial. Na verdade foi bem isso que fiz, deitei numa rede e fiquei lá um tempinho sentindo a brisa do mar. Ahhh…

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *